O SERVIÇO PÚBLICO E VOCÊ:

ASBADM

X Congresso Mundial de Administração. O Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul - CRA-RS – Brasil e o Consejo Profesional de Administración de Empresas – CPAE – Colômbia,

Data: 16 a 26 de Janeiro de 2015

O Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul - CRA-RS – Brasil e o Consejo Profesional de Administración de Empresas – CPAE – Colômbia, doravante identificados por suas siglas, apresentam a realização do XII Congresso Mundial de Administração na Cidade de Cartagena de Índias, Colômbia, no período de 16 a 19 de novembro de 2016.

Trata-se de mais uma oportunidade de aprofundar conhecimentos a partir de uma visão externa, agora na latitude Norte da América do Sul, na Colômbia, país que sustenta considerável índice de crescimento e que detém profundas raízes culturais que unem os Ibero-americanos e, especialmente, os Latino-americanos.

Importa referir que os países Latino-americanos constituem um dos espaços culturais de maior harmonia, mesmo que haja, ainda, uma intolerável injustiça, discriminação e exploração por superar, porém pelo desenvolvimento político e cultural atingido nas últimas duas décadas principalmente, nos permite ter esperança de que essas expressões de violência e intolerância serão substituídas por soluções dialogadas e democráticas e pela aplicação da Ciência da Administração, com elevação da ética, da eficiência e da eficácia das organizações constituídas, sejam elas públicas ou privadas.

A Ciência da Administração, por sua inegável importância, tem papel fundamental no desenvolvimento dos povos e das nações da América Latina. Não fosse isso caberia perguntar: Por que tantas Instituições de Ensino Superior (particulares ou de governo) se empenham em ensinar Administração? É puro Negócio de ocasião, visão de futuro ou exigência de Mercado? O fato é que já existem milhares de pessoas e organizações envolvidas nisso, estudando, discutindo, criando teorias, novos conceitos e modelos de gestão, com o propósito de tornar as organizações mais céleres, produtivas, lucrativas e socialmente justas com o meio ambiente.

Mais Informações: www.mundialdeadministracao.com.br